• CNT
  • SEST SENAT
  • ITL

Apresentação



O desenvolvimento pleno e sustentável de um país está diretamente ligado à sua infraestrutura de transporte, que tem a capacidade de mover uma nação, conectar pessoas e lugares e impulsionar a economia. E o Brasil – país de extensão continental – não foge a essa máxima. Ocorre, porém, que temos muito a avançar quando o assunto é investimento. Para transportarmos as nossas riquezas, dependemos (e muito) das rodovias.

Nesse sentido, a CNT vem alertando – ano a ano – sobre a urgência de ampliar os recursos para as rodovias brasileiras e melhorar a aplicação do orçamento disponível. Os resultados desta 23ª edição da Pesquisa CNT de Rodovias evidenciam que os sucessivos alertas da Confederação não foram devidamente ouvidos. Observamos, em 2019, uma piora nas condições da malha pavimentada. E a crise fiscal por que passa o país aciona o sinal de alerta em relação à nossa capacidade de manutenção e expansão da malha.

A priorização do setor nas políticas públicas e a maior eficiência na gestão são imprescindíveis para reduzir os problemas, aumentar a segurança e evitar desperdícios. Toda a sociedade paga o preço da ineficiência da infraestrutura de transporte. Se a rodovia tem problemas, há mais consumo de combustível e maior desgaste dos veículos. Isso gera custos, que elevam o valor dos produtos. Além disso, há a questão dos acidentes rodoviários, que tiram vidas e oneram o Estado.

Essa realidade precisa mudar. Isso é inegável. Mas estamos confiantes de que o momento atual é propício para proceder às mudanças necessárias a fim de levar o Brasil para a frente. Para tanto, temos a convicção de que iniciativa privada e poder público precisam caminhar juntos, em um ambiente com regras claras e com mais segurança jurídica.

Nesse contexto, colocamos à disposição dos transportadores, do governo e da sociedade os resultados aqui expostos e esperamos contribuir positivamente para a consolidação da agenda de infraestrutura de transporte, que vem sendo encarada como estratégica pelo novo governo.

Vander Costa
Presidente da CNT





Saiba mais sobre os transportes

O relatório completo da Pesquisa CNT de Rodovias está disponível em PDF, confira.

Os resultados de cada UF podem ser consultados em PDF. Confira os 27 relatórios.

Aqui você encontra o release e o resumo com gráficos, números e informações relevantes extraídos da edição 2019.

Veja a tabela com o posicionamento das 109 ligações rodoviárias avaliadas nesta última pesquisa.

Dados da edição 2019: extensão pesquisada (km), extensão total por região, pontos críticos, principais variáveis e investimentos.

Veja seleção com as fotos produzidas durante a pesquisa, organizadas por Unidade da Federação. Visualize, compartilhe e salve no seu computador.